menu

domingo, 29 de maio de 2016

Uma breve introdução sobre o Palmito de Pupunha

O Brasil é o maior produtor e consumidor de palmito do mundo. Mas espécies como o palmito açaí e juçara, apresentam restrições legais, ecológicas e sociais devido à atividade extrativa, que entre os principais danos está a morte da palmeira. Por esse motivo, tem crescido o cultivo de outras espécies, como a pupunha, que se destaca por suas características de rendimento, precocidade, perfilhamento (que permite que o corte do palmito não extermine a palmeira) e a lenta oxidação, que viabiliza o consumo do produto in natura.

Palmito - Informações nutricionais

O palmito é um alimento saborosíssimo e de baixas calorias, o que o torna um ótimo ingrediente nas dietas para emagrecer. Além disso, é um alimento muito saudável, que apresenta fibras, vitaminas e minerais, destacando sua contribuição no controle da pressão arterial por ser rico em potássio. O palmito in natura, por lei, está isento de rotulagem nutricional, assim como frutas, legumes e vegetais in natura refrigerados ou congelados. Desta forma, segue a tabela de informações nutricionais do PALMITO EM CONSERVA, destacando que o palmito in natura, não apresenta a quantidade de sódio da conserva, já que não tem adição de sal por ser um produto totalmente natural, minimamente processado.

Palmito de Pupunha em Conserva (100g)
Valor energético
29.4kcal
1%
Carboidratos
5.5g
2%
Proteínas
2.5g
3%
Fibra alimentar
2.6g
10%
Cálcio
32.4mg
3%
Vitamina C
8.7mg
19%
Fósforo
55.0mg
8%
Manganês
0.1mg
4%
Magnésio
25.5mg
10%
Lipídios
0.5g
-
Ferro
0.2mg
1%
Potássio
206.4mg
-
Cobre
0.1ug
0%
Zinco
0.4mg
6%
Tiamina B1
0.0mg
0%
Sódio
562.7mg
23%




















Fonte: TACO - Tabela Brasileira de Composição de Alimentos


Follow by Email